Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nossa responsabilidade é a de anteciparmo-nos ao futuro!

Enquete

O que mais motiva você no trabalho?




resultados

Mensagens da Diretoria

Existem duas maneiras de viver: a la Zeca Pagodinho, deixando a vida te levar, ou de maneira INTENCIONAL, tendo uma direção que escolhemos e projetos que nos levam nessa direção. Como você tem vivido?
Marcos Barros
Facebook
Curta nosso site no Facebook

Projetos Sociais

Casa Vida Criança

 

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: Regime internato.

 A Casa Vida Criança é um trabalho social da Igreja Cristã Sal da Terra da cidade de Morrinhos - GO, tem como objetivo, restaurar crianças e adolescentes que, geralmente, vêm de uma família, desestruturada e que estão em situação de risco social (prostituição, maus tratos da família, mendicância).

Esse projeto vem para dar suporte para que as internas se desenvolvam nas áreas emocionais; espiritual; psicológica e social. A Casa Vida Criança conta com o apoio do Ministério Público, Prefeitura Municipal, Conselho Tutelar, Governo Estadual, Igreja Batista de Edimburgh e a comunidade local. A equipe é formada por membros da Igreja Sal da Terra, voluntários e algumas funcionárias remuneradas, capacitadas para o trabalho proposto e com os corações dispostos a doarem para a obra de alcance social. Atualmente, a supervisora da Casa é uma missionária do Rio de Janeiro.

ATENDIMENTO: Atualmente, o projeto tem atendido 12 crianças do sexo feminino na faixa etária de 07 a 18 anos. Todas recebem atividades, tais como: Acompanhamento espiritual: cultos; orações; devocional e aconselhamentos individuais. Artesanato: bordados; crochê; pintura em tecido e produção de embalagens para presentes. Culinária: salgados; doces; refeições em geral. Informática: aulas teóricas e práticas. Higiene: noções básicas de higiene pessoal (capilar, bucal e ginecológica). Saúde: acompanhamento odontológico; ginecológico; clínico e vacinação preventiva. Escolar: acompanhamento das tarefas escolares; vigilância quanto à presença em salas de aulas.

É importante ressaltar que, a presença na escola é obrigatória, para o ingresso e a continuidade da criança/adolescente no projeto.